Roger vê atuação ‘consistente’ do Palmeiras e ressalta a importância de permanecer entre os primeiros antes da parada da Copa

Foto em destaque: Cesar Greco/Palmeiras

O Palmeiras conseguiu uma vitória maiúscula diante do Grêmio, em Porto Alegre. Com Willian inspirado, marcando duas vezes, o time de Roger Machado fez 2 a 0 no atual campeão da Libertadores, e engrenou a segunda vitória consecutiva (depois de dois tropeços) no Campeonato Brasileiro. O resultado coloca o Verdão na terceira posição com 17 pontos, três a menos que o atual líder da competição Flamengo. Já o Grêmio, com o revés sofrido sob seus domínios (fato que não acontecia a quatro meses), estaciona nos 16 pontos e cai para sexta posição.

O técnico Roger Machado, antes contestado e que agora conseguiu uma vitória contra um segundo time grande (São Paulo e Grêmio), externou sua felicidade após vencer um time que briga direto pelo título brasileiro:

 “A felicidade e a alegria são por vencer um adversário direto fora de casa. Sabíamos que enfrentaríamos muitas dificuldades e conseguimos sobrepor com um jogo muito bom. Construímos muito bem a vitória. Nosso objetivo é permanecer na frente na parada para depois brigar”.

O técnico enalteceu a excelente atuação de sua equipe, ressaltando que a ideia desde o princípio era pressionar o tricolor, fazendo com que o time de Renato Gaúcho iniciasse suas jogadas com os zagueiros, ao invés de Arthur e Maicon:

 “Fizemos um belo jogo, talvez tenha sido um dos mais consistentes até então. A gente sabia que, se permitíssemos o início de construção com o Maicon e com o Arthur, nós seríamos empurrados para dentro do nosso campo. E aí teríamos mais dificuldades para marcar. A ideia era pressionar desde o primeiro minuto, fazer com que Arthur e Maicon não se sentissem confortáveis com a bola nos pés e iniciassem a construção pelos lados, com os zagueiros. Acho que a gente conseguiu neutralizar essa jogada forte na maioria das vezes”.

Roger enfatiza ainda que após dois resultados ruins, ter vencido o clássico trouxe para o time uma nova injeção de ânimo e confiança. O comandante alviverde salienta a importância de encontrar um ponto de equilíbrio, diante da oscilação, e em permanecer entre os primeiros colocados antes da parada da copa:

“A gente sempre cresce, aprende. As experiências nos dão calo, nos dão vivência, e isso se reflete no trabalho. Nós vínhamos de duas derrotas e vencemos o clássico contra o São Paulo, que nos deu ânimo e confiança. Hoje tínhamos algumas ausências, mas os jogadores já vinham atuando bastante no decorrer do ano. Fizemos um jogo bastante consistente. É importante que a gente se mantenha entre os primeiros até a parada da Copa. Acho que achamos o caminho novamente. Uma equipe grande vai oscilar. Em um mês você vai bem, em outro mês nem tanto. É encontrar o equilíbrio. Nós nos caracterizamos esse ano por ser uma equipe que consegue fazer bons jogos fora, e mais uma vez hoje”.

Antes da parada da Copa, o Palmeiras terá pela frente o Ceará no próximo domingo (10) às 16h, em Fortaleza, e fecha o calendário antes do Mundial contra o Flamengo, quarta-feira (16), no Allianz Parque.

Anúncios

Um comentário

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.