Em duelo considerado decisivo, Bahia recebe Botafogo na Arena Fonte Nova

A vida do Bahia no Brasileirão não está fácil.  Vindo de três derrotas consecutivas e com a recente demissão de Guto Ferreira no cargo do comando técnico, o duelo deste domingo (9) diante do Botafogo em Salvadorpela 11ª rodada do campeonato, é visto como um ‘recomeço’ para os tricolores. Caso o dever de casa seja feito e os outros resultados sejam favoráveis, a equipe baiana tem a oportunidade de sair da zona do rebaixamento nesta rodada.  Já o momento do time alvinegro é razoável na competição, mas a distância para o Atlético/PR, o primeiro do Z4, é de apenas quatro pontos. Portanto, os cariocas vêm à capital baiana com o intuito de levar os três pontos na bagagem e afastar a possibilidade de se aproximar da zona de perigo.

Interino quer surpreender em estreia

Após a demissão de Guto, ficou a dúvida sobre quem seria o substituto na área técnica tricolor. Zé Ricardo, Marcelo Chamusca e Paulo César Carpegiani foram alguns nomes ventilados para assumir o cargo. Apesar do esforço da diretoria, não houve acordo com nenhum durante a semana. Sem acerto, será necessário que o auxiliar fixo do clube, Cláudio Prates, comande a equipe frente ao Botafogo. Sem tempo de validade para a sua permanência, o interino demonstrou vontade em mostrar serviço, mesmo com a dúvida do prazo de continuidade.

“Não sei. O meu melhor foi dado essa semana. O meu melhor será dado amanhã, depois de amanhã, enfim…O que a diretoria decidir, está decidido. Se chegar sábado e me falarem que é para dirigir domingo, não tem problema nenhum. Espero dar sempre o meu melhor. Se as coisas caminharem para isso [efetivação], ok. Não gero expectativa para ser efetivado. Se não for, espero fazer meu trabalho da melhor maneira possível no clube”, declarou.

claudio_prates
Cláudio Prates promete ‘dar o melhor’ enquanto estiver como treinador. Foto: Divulgação/EC Bahia

O comandante já conta com alguns retornos. Na lista de atletas relacionados para a partida, os atacantes Kayke e Geovane Itinga são as novidades no elenco. Por outro lado, Edigar Junio, Júnior Brumado e Marco Antônio seguem vetados pelo Departamento Médico tricolor.

Botafogo considera confronto como ‘decisão’

Possuindo apenas uma vitória fora de casa no Brasileirão, o Fogão visita Salvador visando aproveitar o mal momento do adversário e conquistar o segundo triunfo longe do Rio de Janeiro. De acordo com o técnico Alberto Valentim, a partida será uma decisão para o time carioca. Ainda segundo Valentim, para sair com os três pontos será necessário cometer menos erros nos setores de ataque e defesa.

“O jogo do Bahia é decisão para nós. Jogo de atenção redobrada o tempo todo. Bahia é muito forte em casa, precisamos estar muito atentos. Precisamos fazer um jogo muito parecido com o do Vasco e do São Paulo, onde equipe jogou bem. E temos de errar o menos na fase ofensiva e defensiva. A gente precisa somar sempre, precisamos vencer mais fora de casa e vencer em casa. Temos de recuperar os pontos perdidos. Quando você tem poucas oportunidades, tem de ser cirúrgico”, enfatizou.

botafogo
Foto: Divulgação/Botafogo F.R

O alvinegro carioca também apresenta retornos na equipe. Com pouco espaço no time titular desde a chegada de Valentim, o zagueiro Marcelo Benvenuto deve ter sua oportunidade devido ao desgaste físico de Joel Carli. Porém, com a reapresentação de Yago nesta sexta, a disputa pela posição ao lado de Igor Rabello aumenta.

O grande desfalque será o goleiro Gatito Fernandez. Com uma fratura na ulna do punho direito, o paraguaio entrou na sexta semana de tratamento e volta aos gramados somente após a Copa do Mundo.

Retrospecto

Bahia e Botafogo se encontraram 39 vezes na história, e o forte equilíbrio chama a atenção. Os tricolores levam vantagem, com 14 vitórias contra 12 alvinegras, e 13 empates.  O último duelo aconteceu pela 22ª rodada do Brasileirão 2017, quando a equipe carioca bateu por 2 a 1 em plena Arena Fonte Nova.

bahiavsbot.jpg
Foto: Divulgação/EC Bahia

Prováveis escalações

Bahia: Douglas; Nino Paraíba, Tiago, Lucas Fonseca e Léo; Gregore, Flávio, Elton, Elber e Zé Rafael; Vinícius. Técnico: Guto Ferreira.

Botafogo: Jefferson; Marcinho, Marcelo Benevenuto (Yago), Igor Rabello e Moisés; Rodrigo Lindoso e Matheus Fernandes; Leo Valencia, Renatinho e Rodrigo Aguirre; Kieza. Técnico: Alberto Valentim.

Anúncios

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.