Após empate em Salgueiro, Santa Cruz se reapresenta e deve ganhar reforços para Clássico das Emoções

Roberto Fernandes e Charles retornam após cumprir suspensão. Vítor, Allan Vieira e Giovani podem ser novidades durante a semana

Sem título
Santa Cruz treina no Arruda visando Clássico contra o Náutico, na próxima rodada da Série C. (Foto: Divulgação / Santa Cruz Futebol Clube)

Após o empate com o Salgueiro no sertão na última segunda-feira, o Santa Cruz se reapresentou na tarde desta terça-feira (12) visando o Náutico. Os atletas que enfrentaram o Carcará mais de 45 minutos realizaram trabalhos regenerativos nos vestiários.

Se no jogo anterior o Tricolor foi com uma equipe cheia de remendos, para o Clássico das Emoções o Santa Cruz vai contar com o retorno de Roberto Fernandes a beira do gramado – expulso no jogo contra o Juazeirense. Charles, que cumpriu suspenção, também está confirmado para o próximo jogo. O volante deve voltar ao time titular diante do Timbu. No jogo em Salgueiro, o técnico Roberto Fernandes utilizou Carlinhos Paraíba e Arthur Rezende no meio de campo, nenhum deles, primeiro volante de origem.

Roberto Fernandes ainda aguarda o retorno de Vítor e Allan Vieira, entregues ao Departamento Médico com problemas musculares. A expectativa do comandante é que ainda nesta semana os dois sejam liberados e tenham condições de enfrentar o Náutico. Caso se confirme, Ávila e Maílton deixam a equipe de cima, considerada titular.

Giovani reapareceu após duas semanas de fisioterapia. O meia sentiu uma lesão na coxa, que o deixou de fora por três partidas. Já Vítor, com uma lesão mais leve, ficou de fora apenas alguns dias e pode reforçar a cobra coral. Quem permanece no DM é o meia Hericles, que trata uma pubalgia e ainda não tem previsão de retorno. Valdeir teve lesão de grau 2 detectada na coxa também não deve enfrentar o Timbu.

Pensando no Clássico, Augusto Silva, que participou dos outros dois jogos contra o Náutico na temporada, destacou a importância de uma vitória diante dos rivais. “Clássico é um jogo aberto. Não tem favorito. Sabemos do nosso potencial, o que temos de fazer para ganhar o jogo. É necessário muito foco durante a semana para que possamos chegar prontos. Sabemos que agora cada jogo é uma decisão. O campeonato vai afunilando. Quem perder ponto bobo, vai ser difícil recuperar lá na frente“, afirmou o zagueiro.

Anúncios

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.