Em busca de classificação as oitavas, Seleção Brasileira duela contra Sérvia

A seleção brasileira busca vaga nas oitavas de final da Copa do Mundo contra a Sérvia, em Moscou nesta quarta-feira, 27, pela terceira rodada do Grupo E. Para avançar, o time comandado pelo técnico Tite precisa de apenas um empate. Uma vitória pode garantir o primeiro lugar na chave, dependendo do resultado da partida entre Suíça e Costa Rica, no mesmo horário. Para os sérvios, só a vitória interessa.

Tite ressalta concentração total para o jogo

treino-seleca1 (2).jpg

O confronto entre Brasil e Sérvia nesta quarta-feira é decisivo. Dele, o Brasil pode deixar a Copa do Mundo ou seguir para as oitavas de final. Num Mundial onde vários jogos são decididos nos acréscimos (entre 5 a 7 minutos, em geral), Tite quer “Nivel de concentração alto” do time no gramado do Spartak Stadium em Moscou. “E nem precisou insistir muito no assunto com os atletas, nunca nos faltou atitude” disse Cléber Xavier, auxiliar técnico de Tite.

Nos dois últimos dias, os atletas passaram também a receber vídeos com detalhes dos pontos fortes e fracos do time sérvio. Nas duas sessões de treino, foram ensaiadas jogadas de bola parada ofensiva e defensiva.

O time titular foi confirmado por Tite como o mesmo que iniciou a última partida contra a Costa Rica. O Brasil que vai a campo contra a Sérvia sabe que não pode perder. Vai começar o jogo em um esquema ofensivo. Pode negociar o empate, pois o regulamento dá esta vantagem. Mas a comissão técnica quer grupo alerta: “O jogo só termina depois dos 90 minutos. A Copa está mostrando isso”, falou Cléber Xavier.

Sérvia 

A equipe da Sérvia vem confiante, com atletas altos com a média superior a 1,85m, equipe europeia sonha com façanha. Como país independente, a Sérvia jamais conseguiu repetir os feitos da antiga Iugoslávia (que compreendia os atuais territórios de Sérvia, Montenegro, Croácia, Macedônia, Bósnia e Eslovênia e chegou às semifinais em 1930 e 1962). Caiu na primeira fase em 2010 e sequer esteve no Brasil em 2014. Em 2006, participou como Sérvia e Montenegro e também deu vexame na fase de classificação. Neste ano, porém, o time chegou à Rússia com uma equipe mais sólida e pretensiosa.

A empolgação após a vitória contra a Costa Rica, diminui depois da frustante derrota por 2 a 1 para a Suiça. No entanto, uma vitória simples ou até um empate (caso a Suiça perca para Costa Rica) classificam a equipe Balcanica.

Possíveis escalações 

Brasil: Alisson, Fágner, Miranda, Thiago Silva e Marcelo; Casemiro, Paulinho e Philippe Coutinho; Willian, Neymar e Gabriel Jesus.

Sérvia: Stojkovic; Ivanovic; Milenkovic, Tosic; Kolarov; Milivojevic, Matic, Tadic, Milinkovic, Lijajic; Mitrovic

Anúncios

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.