Com torcida única, Bahia e Vitória protagonizam clássico contra o rebaixamento na Arena Fonte Nova

Na tarde deste domingo (22), às 16h (horário de Brasília), a Arena Fonte Nova será palco do quarto clássico entre Bahia e Vitória no ano, e o primeiro no Campeonato Brasileiro, em duelo válido pela 14ª rodada da competição. Assim como nas finais do estadual, o Ministério Público recomendou a manutenção da torcida única. Como o Tricolor de Aço será mandante, apenas tricolores podem ingressar na Arena.

Além de valer três pontos, a partida é um confronto direto na luta contra o rebaixamento. O vencedor terá a possibilidade de se afastar do Z-4, e aproximar o concorrente dos quatro últimos colocados. Porém, para o Leão, o teor vai mais adiante: após perder os três primeiros Ba-Vis, o rubro-negro busca a primeira vitória em 2018 contra o rival.

Leão quer engrenar de vez

Na última quarta-feira (18), o Vitória bateu o Paraná fora de casa e fugiu da zona de rebaixamento. Com moral antes do clássico, os rubro-negros querem manter a boa fase, conquistando a segunda vitória consecutiva e enfim, vencer o Bahia neste ano. A equipe perdeu os três clássicos disputados no Campeonato Baiano, incluindo a derrota por W.O, que ocorreu na primeira fase. Apesar do mal retrospecto, o técnico Vágner Mancini rejeita classificar o duelo deste domingo como ‘vingança’

A gente vai entrar focado por tudo aquilo que passamos este ano, por tudo aquilo que foi falado. Não há um clima de revanche, de vingança, não. Temos vontade de mostrar para todo mundo o que podemos. O Bahia enfrentou o Vitória com o time muito desfigurado. Vamos fazer um bom jogo”, disse o treinador, referindo-se aos incidentes e as inúmeras expulsões ocorridas no jogo da primeira fase do Baiano, que deixaram o time desfalcado na final.

csm_mancini_1b3c3292e2
Mancini discorda de ‘clima de revanche’ no Ba-Vi. Foto: Maurícia da Matta/EC Vitória

O comandante rubro-negro possui opções de sobra para escolher os onze que iniciarão o clássico. Os oito reforços contratados na inter-temporada estão com a situação normalizada e podem entrar em campo. Ruan Renato WalterBou, regularizados na quinta-feira, se juntam a Arouca, Marcelo Benítez, Marcelo Meli, Erick, Bruno Gomes e João Gabriel. Com André Lima suspenso, aumenta a probabilidade de estreia dos atacantes. Por outro lado, terá o retorno de Neílton Yago, suspensos na última rodada.

Atualmente na 13ª posição, o Vitória pode subir três posições, atingindo a nona colocação. Para isso, precisa do triunfo na Fonte Nova e contar com a derrota de Cruzeiro e Botafogo.

Momento de recuperar o torcedor tricolor

Não existe maneira melhor de recuperar a confiança da torcida do que vencer o maior rival. Porém, a derrota pode emplacar uma revolta massiva com o elenco e treinador. É o panorama onde Enderson Moreira e os jogadores se encontram após perder o título da Copa do Nordeste em plena Arena Fonte Nova, e apresentar um futebol pragmático e sem empolgar diante da Chapecoense, na quinta-feira, quando empatou em Santa Catarina por 1 a 1. Mesmo admitindo que o futebol apresentado não é o ideal, Enderson enxerga evolução na equipe.

Não estamos satisfeitos, mas a gente deu um grande passo. Fizemos uma partida consistente, trabalhando as jogadas, finalizamos mais e tivemos mais posse. Acho que os números mostram a evolução que tivemos, e contra um time que ainda não perdeu dentro da casa na Série A“, declarou.

bahia
Bahia encerrou preparação na tarde deste sábado. Foto: Divulgação/EC Bahia

O único desfalque no clássico deve ser Kayke. O centroavante continuou tratamento no Departamento Médico e não treinou neste sábado. Já o atacante Edigar Júnior e o meia Marco Antônio voltaram recentemente de lesão e estão à disposição.

O Bahia ocupa a 17ª colocação na Série A e busca o triunfo para escapar do Z-4, além de ultrapassar o rival rubro-negro. Dependendo dos outros resultados, os tricolores podem chegar até o 12º lugar.

Prováveis escalações

Bahia: Anderson; Nino Paraíba, Tiago, Lucas Fonseca, Léo; Gregore, Elton, Vinícius, Zé Rafael; Edgar Junio, Gilberto. Técnico: Enderson Moreira

Vitória: Elias; Jeferson, Kanu, Aderllan, Bryan; Arouca, Filipe Souto, Guilherme Costa (Lucas Fernandes), Yago; Wallyson, Neilton. Técnico: Vágner Mancini

Anúncios

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.