Botafogo interrompe sequência de maus resultados e vence chape por 1 a 0

Marcinho marcou seu primeiro gol como profissional no início da segunda etapa e deixa alvinegros em situação mais confortável na tabela

Botafogo e Chapecoense se enfrentaram na noite desta quinta-feira (26), no Estádio Nilton Santos. A partida, válida pela 15° rodada do Campeonato Brasileiro, foi um confronto direto da segunda página da tabela, já que apenas dois pontos separavam as equipes antes do apito inicial.

Vindo de dois tropeços fora de casa, o Glorioso entrou em campo pressionado por uma vitória. A tensão pôde ser notada, não somente dentro de campo, mas também nas arquibancadas. E o primeiro tempo não contribuiu para a impaciência que pairava sobre o estádio.

Com a Chape bem postada defensivamente, a partida começou muito amarrada. Enfrentando a velha dificuldade na criação das jogadas, o Botafogo chegava ao ataque sem grande perigo. Os melhores lances saíam dos pés de Gilson, atuando em um novo posicionamento.

Kieza ficou mais postado na frente enquanto as movimentações ofensivas ficavam sob a responsabilidade de Pimpão e Leo Valencia, que trocavam constantemente de posição.

A Chapecoense, por sua vez, jogava sem a bola buscando uma oportunidade para encaixar o contra-ataque. Bruno Silva foi quem mais tentou levar perigo, mas não obteve sucesso nas primeiras investidas.

Captura de Tela (42)
(Foto: Vitor Silva/ SS Press/ BFR)

A segunda etapa tinha tudo para seguir o mesmo roteiro do primeiro tempo, no entanto toda a dinâmica do jogo mudou logo aos oito minutos, com um golaço de Botafogo.

Em bom a taque pelo lado direito do campo, Valencia encontrou Kieza na área e fez o levantamento. O camisa 9 apenas escorou a bola para a chega de Marcinho, que chutou com muita força no canto esquerdo de Jandrei, abrindo o marcador. O lateral, que fez seu primeiro gol como profissional, se exaltou em uma comemoração raivosa e teve que ser segurado pelos companheiros.

Com a desvantagem no placar a Chapecoense teve que adiantar mais suas linhas, deixando espaço para os contragolpes alvinegros. Aos 36, Kieza partiu em velocidade e cruzou rasteiro para Moisés fazer o segundo gol do Botafogo, mas o árbitro Sávio Pereira Sampaio anulou o lance após enxergar falta do camisa 6 no início da jogada.

A arbitragem também atuou em outro gol, mas dessa vez pelo lado catarinense. Já nos acréscimos, em cobrança de falta de Doffo, Leandro Pereira aproveitou desvio e colocou a bola no fundo das redes. O bandeirinha assinalou impedimento e o placar permaneceu igual.

Com a vitória por 1 a 0 do Fogão, a equipe agora chega aos 20 pontos e assume a 10° colocação. O próximo jogo dos alvinegros será nesse domingo (29) diante do Internacional, no Beira Rio. Após mais um resultado negativo, a Chape ocupa a 17° posição e já tem outro duelo dificílimo também no domingo contra o Grêmio, na Arena Condá.

Escalações:

Botafogo: Saulo; Marcinho (Luis Ricardo), Joel Carli, Igor Rabello e Moisés; Rodrigo Lindoso, Matheus Fernandes, Leonardo Valencia (Renatinho) e Gilson; Kieza e Rodrigo Pimpão. Técnico: Marcos Paquetá

Chapecoense: Jandrei; Eduardo, Rafael Thyere, Douglas e Bruno Pacheco; Márcio Araújo, Elicarlos, Canteros (Doffo) e Osman (Guilherme); Bruno Silva e Leandro Pereira. Técnico: Gilson Kleina

Anúncios

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.