Augusto Farfus conquista 2º lugar no DTM em Brands Hatch

A Inglaterra voltou a receber o DTM neste fim de semana, pela primeira vez no traçado longo do circuito de Brands Hatch. Um dos poucos do grid que já conhecia essa configuração da pista, Augusto Farfus aproveitou essa vantagem e foi um dos destaques da corrida deste sábado (11). O brasileiro, que já havia marcado uma pole position e vencido neste circuito, quando corria pelo WTCC, largou na 5ª posição, fez uma grande corrida, e voltou ao pódio do DTM com o 2º lugar.

As atividades da 6ª etapa do campeonato estão todas concentradas em apenas dois dias, e tiveram início neste sábado. Farfus liderou o 2º treino, reforçando sua evolução na temporada, após o bom desempenho na etapa de Zandvoort. Na classificação, ele garantiu o 5º melhor tempo, a apenas 0.296s da pole.

Poucas horas depois, a primeira corrida da etapa teve muitas emoções no circuito, que é uma verdadeira ‘montanha-russa’, com muitas subidas e descidas, e longos trechos de alta velocidade. Farfus largou bem e assumiu a 4ª posição, enquanto Lucas Auer foi para 1º. Cerca de metade do grid entrou para os boxes ainda no começo da corrida, arriscando na estratégia, e o curitibano subiu para a 3ª posição. Na terceira volta, Loic Duval escapou sozinho e causou um período de “safety zone” na pista. Assim que a disputa foi retomada, Farfus fez seu pit-stop obrigatório e voltou em 8º lugar, mas em primeiro dentre os que já haviam parado. Duas voltas depois, o pole position Daniel Juncadella também parou e voltou um pouco à frente de Augusto. O brasileiro chegou a pressionar o italiano, que tinha os pneus frios, mas não confirmou a manobra.

Na segunda parte da prova, após todos terem feito seus pit-stops, Juncadella e Farfus conseguiram abrir vantagem na frente, com Lucas Auer em 3º. Ao longo do grid, outras boas disputas por posições também agitavam a corrida. Após 41 voltas, Augusto confirmou seu lugar no pódio com o melhor resultado no ano até agora e somou 18 pontos.

“Nossa volta ao pódio na corrida de hoje é resultado do trabalho que a gente vem fazendo. Assim como em Zandvoort, sabíamos que Brands Hatch tinha tudo para ser uma boa etapa para nós. Seguimos trabalhando firme, a preparação nesse intervalo foi fundamental, pois desde o começo o carro se comportou muito bem, e até liderei um dos treinos. A tomada poderia ter sido um pouco melhor, mas demonstramos na corrida a evolução do nosso carro. Amanhã temos mais uma prova, e o objetivo é continuar avançando no campeonato”, comentou o piloto.

O diretor da BMW Motorsports, Rudolf Dittrich, comemorou o feito do brasileiro:
“É ótimo estar de volta ao circuito da Brands Hatch depois de cinco anos, e agora estamos na versão mais longa e desafiadora da pista. A corrida foi muito divertida para todos, pilotos e espectadores. Estou particularmente satisfeito por Augusto Farfus garantir o segundo lugar e voltar ao pódio pela primeira vez desde 2016. Este foi o 40º pódio do Team RGM na DTM. Tivemos três BMW M4 entre os dez primeiros. Isso é algo para se agradar. No entanto, não conseguimos registrar melhores posições para todos os carros em comparação com os resultados de qualificação. O tempo pode ser diferente amanhã e então será um novo jogo. Parabéns a Daniel Juncadella e Mercedes pela vitória de hoje.”

Dessa forma, o brasileiro subiu mais quatro posições no campeonato e está em 12º, a apenas 15 pontos do top-10 da classificação geral. Neste domingo, os pilotos têm mais uma sessão de treinos livres, antes da classificação e corrida 2, que terá transmissão ao vivo pelo canal Bandsports a partir das 9h30 (horário de Brasília) e também pelo site www.farfus.com, na aba Live Races.

Resultado completo da corrida 1 em Brands Hatch:

1 – Daniel Juncadella (Mercedes) – HWA – 41 voltas 57’15″601
2 – Augusto Farfus (BMW) – RMG – 7″896
3 – Lucas Auer (Mercedes) – HWA – 10″040
4 – René Rast (Audi) – Rosberg – 14″723
5 – Philipp Eng (BMW) – RMR – 23″546
6 – Gary Paffett (Mercedes) – HWA – 23″933
7 – Pascal Wehrlein (Mercedes) – HWA – 25″226
8 – Edoardo Mortara (Mercedes) – HWA – 27″528
9 – Marco Wittmann (BMW) – RMG – 31″639
10 – Mike Rockenfeller (Audi) – Phoenix – 33″405
11 – Jamie Green (Audi) – Rosberg – 35″822
12 – Robin Frijns (Audi) – Abt – 37″423
13 – Timo Glock (BMW) – RMR – 41″607
14 – Joel Eriksson (BMW) – RBM – 42″738
15 – Nico Muller (Audi) – Abt – 43″476
16 – Paul Di Resta (Mercedes) – HWA – 46″349
17 – Bruno Spengler (BMW) – RBM – 55″188
Não completou:
Loic Duval

Anúncios

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.