Com uma atuação perfeita do goleiro Fábio, Cruzeiro elimina Santos nos pênaltis e avança na Copa do Brasil

A noite desta quarta (15) é azul em Belo Horizonte. Depois de perder no tempo regulamentar por 2×1, a equipe do Cruzeiro elimina o Santos nos pênaltis, e está classificado para a semifinal da Copa do Brasil.

Jogo “lá e cá”

O primeiro jogo das quartas de final começou bem animado. O Santos, que precisava de uma vitória para continuar na competição, entrou com um time bem ofensivo e jovem, queria garantir o contra-ataque rápido. Mas o Cruzeiro não esperou a equipe paulista. Com maior posse de bola e entrosamento, o time celeste chegava com perigo e, aos 12 minutos, Thiago Neves recebeu pela direita, em diagonal, levou pra dentro da área e chutou colocado. Mesmo com pouca força a bola morreu no canto esquerdo do gol do Vanderlei.

BELO HORIZONTE / BRASIL (15.08.2018) Cruzeiro x Santos
(Foto: Flickr Cruzeiro Esporte Clube)

Apesar do pouco entrosamento, o alvinegro praiano também levava perigo ao gol do Fábio, mas com falhas no último passe. O gol de empate só saiu no final do primeiro tempo. Aos 42 minutos Gabriel recebe a bola de frente pro gol, acha um espaço e chuta de fora da área, no cantinho esquerdo, sem chance pro goleiro cruzeirense.

Gabigol - primeiro gol
(Foto: Flickr Santos Futebol Clube)

Segundo tempo mais pegado

As equipes voltaram do vestiário com a mesma disposição do primeiro tempo. Logo aos nove minutos, Dedé mandou uma bola na trave do gol santista. Depois dos 20 minutos o jogo esfriou e, com o passar do tempo, a partida foi ficando mais pegada, com faltas mais duras. O Santos não desistia e, aos 38 minutos, Bruno Henrique trouxe esperança para a torcida santista. Cruzamento pra dentro da pequena área, o atacante chega em velocidade e sobe sozinho, entre dois defensores do Cruzeiro. Cabeçada perfeita, bola no ângulo, indefensável.

Bruno Henrique - segundo gol
(Flickr Santos Futebol Clube)

O jogo pegou fogo novamente e, com cinco cartões amarelos distribuídos nos minutos finais, o árbitro encerra o tempo regulamentar em um ataque perigoso do Santos. A confusão se instaurou, com reclamações fortes dos jogadores e do técnico CucaVladimir, goleiro reserva, foi expulso.

Disputa de pênaltis

Depois da confusão e de um cartão vermelho pro goleiro reserva do Santos, a classificação seria decidida nos pênaltis. Três cobranças para cada lado. Três gols cruzeirenses e três defesas do Fábio. Brilha a estrela do goleiro celeste nesta noite e, com uma atuação perfeita, a classificação do Cruzeiro foi sacramentada.

Fábio - defesa de pênaltis
(Foto: Globo Esporte / Twitter Gabriel Duarte)
Anúncios

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.