Mesmo apelido, fases diferentes: Paraná e São Paulo duelam na abertura do segundo turno

Abrindo o segundo turno do Campeonato Brasileiro, o lanterna Paraná recebe o líder São Paulo com ambições totalmente diferentes. No estádio Durival Britto, o apito inicial está marcado para as 19h30 desta quarta-feira (22). O árbitro principal será Pericles Bassols Pegado Cortez.

Como chegam as equipes?

A fase do Tricolor da Vila é, sem dúvidas, péssima. Sem vencer há cinco jogos, a equipe foi derrotada pelo Internacional – fora de casa -, graças ao gol de falta de Camilo.

Já o Soberano vem com muita moral. Apesar da eliminação recente na Copa Sul-Americana, nos pênaltis, os paulistas venceram a Chapecoense por 2 a 0, com gols de Shalyon e Hudson.

Situação na tabela

Isolado na última colocação do Campeonato Brasileiro, o Paraná tem apenas 14 pontos conquistados em todo o primeiro turno. Dessa forma, mesmo com uma eventual vitória, é possível que ainda não saia da lanterna caso o Ceará também consiga um bom resultado.

Já o São Paulo não tem do que reclamar. Líder com 41 pontos e com bons desempenhos recentes, um triunfo tranquilizaria ainda mais o torcedor tricolor, que sonha com tal título nacional depois de uma década.

Notícias dos times

Para os mandantes, há uma ausência que atrapalha a vida de Claudinei Oliveira: o lateral-esquerdo Igor está suspenso e deve ser substituído por Mansur. No entanto, a volta de Cleber Reis e Alex Santana (que estavam suspensos) é uma boa notícia.

No lado do Soberano, não há nenhum desfalque. Assim, o técnico Diego Aguirre terá todo o elenco à disposição e mandará a campo seus melhores jogadores para o confronto.

Fala, professor!

Claudinei Oliveira pediu apoio a Mansur: “Não vai ter improvisação, porque a gente recebeu a informação que o torcedor não gosta, que não vem tão bem, mas a gente pede que zere o que passou e incentive o atleta. Se ele pegar na bola e vaiar, atrapalha. Procure apoiar, porque fica mais fácil.”

claudinei3[1]
Foto: Divulgação / Paraná Clube
Diego Aguirre pede calma e humildade: “Temos de manter a humildade do grupo. Não pensar que somos mais do que ninguém. Temos de enfrentar cada jogo como se fosse uma final. Independentemente de quem está na frente a motivação tem de ser máxima. E não pensar que somos mais do que somos. Por isso falo a eles de humildade e de trabalho. Depois as coisas vão acontecendo.”

13_crop_galeria[1]
Foto: Rubens Chiri / http://www.saopaulofc.net

Prováveis escalações

Paraná: Richard; Júnior, René, Cléber Reis e Mansur; Leandro Vilela, Jhonny Lucas e Alex Santana; Silvinho, Rafael Grampola e Carlos.

São Paulo: Sidão; Bruno Peres, Anderson Martins, Arboleda e Reinaldo; Jucilei, Hudson, Nenê e Everton; Joao Rojas e Diego Souza.

4846_crop_galeria[1]
Foto: Rubens Chiri / saopaulofc.net
Anúncios

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.