São Paulo fura defesa do Ceará, vence e se mantém na liderança do Brasileirão

Foto destacada:  Rubens Chiri/saopaulofc.net

Foi sofrido, foi suado, foi na raça, mas o São Paulo derrotou a equipe do Ceará neste domingo (26), no Estádio do Morumbi, para mais de 57 mil torcedores, e manteve a liderança do Brasileirão, chegando aos 45 pontos. A partida foi válida pela 21ª rodada do campeonato e terminou com o placar de 1 a 0, com gol marcado pelo lateral Bruno Peres, aos 33’ da segunda etapa.

Os donos de casa iniciaram o confronto pressionando os adversários no seu campo de defesa, procurando marcar o primeiro gol logo nos minutos iniciais. A estratégia adotada pelos comandados de Diego Aguirre quase deu certo, porém foi atrapalhada pelas boas defesas do goleiro Éverson e o erros de finalização da equipe. Inicialmente, Rojas avançou pela ponta direita, cruzou na cabeça de Everton e o camisa 22 cabeceou à direita da trave do Ceará.

Depois, novamente Rojas fez grande jogada pela direita, entortou o marcador e passou para Reinaldo, que chutou no canto e Éverson fez importante intervenção, na sequência Everton pegou o rebote e finalizou cruzado, para nova defesa do goleiro do Ceará, dessa vez com os pés.

Pouco tempo depois, foi a vez de Rojas finalizar uma jogada pela esquerda do ataque são-paulino: o camisa 23 recebeu bom passe, mas chutou por cima da meta cearense. Os mandantes ainda tiveram chances em cobranças de falta, com Diego Souza e Nene: o camisa 9 acertou a barreira, enquanto o 10, mais de perto, colocou por cima da trave. Resumindo: o tricolor paulista finalizou dez vezes no primeiro tempo, enquanto o Vozão uma única vez.

Bruno Peres marcou o primeiro gol com a camisa tricolor (Foto: Rubens Chiri/saopaulofc.net)

Na etapa complementar, o jogo continuou parecido com o primeiro tempo, mas o Ceará mostrava-se mais disposto no jogo, querendo o contra-ataque em velocidade. E por pouco não marcou com Leandro Carvalho: o jogador do Ceará avançou da direita para o centro do campo, tabelou e recebeu na frente, sozinho para marcar, mas Sidão fez grande defesa e impediu a abertura do placar pelos visitantes.

Aguirre precisou mudar o time devido a lesão de Everton e para chegar mais ao ataque. Primeiramente tirou o volante Luan Santos e efetuou a entrada de Shaylon e depois colocou Régis no lugar de Everton, avançando Bruno Peres para a ponta direita e invertendo Joao Rojas para a esquerda. Essa alteração quase gerou o gol aos 24’, quando Nene achou Rojas, o equatoriano limpou a defesa e passou para Bruno Peres, que se atrapalhou e finalizou muito mal.

Aos 33’, Reinaldo fez grande jogada pela esquerda, entrou na área, passou para Diego Souza, que achou Bruno Peres a frente e em posição legal, para o ex-jogador da Roma bater cruzado e marcar o tento da vitória. A partir desse momento, o tricolor passou a administrar o jogo, ainda teve uma boa chance com Rojas, além de ter passado uns sustos nos minutos finais.

Na próxima rodada, o São Paulo atua novamente no Morumbi, no domingo (2), quando recebe o Fluminense, às 16h. Já o time comandado por Lisca visita o Flamengo, também no domingo, mas às 11h, no Maracanã.

Anúncios

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.